Atenção!

Este post tem imagens explícitas que podem chocar os mais sensíveis ?


 

Pode não parecer, mas é um dos temas mais importantes para se falar com os pais.

Se vocês soubessem a aflição, às 3h da manhã de um recém-pai/mãe, ao ver um cócó verde do seu bebé… Respect!

Mas tudo isso pode ser evitado se vocês já souberem ao que vão!

Não devemos ter vergonha de falar sobre cócós, são super importantes para avaliar a saúde e bem-estar do bebé e… aquela milion dollar question: “O meu bebé come o suficiente?“.

Então vamos a factos importantes que precisam mesmo, mesmo, mesmo de saber:

 

? O primeiro cócó do bebé começa a ser produzido ainda in-útero nas últimas semanas de gravidez.

Chama-se mecónio e é muito viscoso de cor escura (quase que parece petróleo, mas não é desta que ficamos ricos);

 

? Os primeiros cócós não têm cheiro! Amen sister ?

Por isso, temos que estar atentos pois alguns bebés não se mostram incomodados com a fralda suja, ficam ali a apreciar o quentinho “just chilling”

E como não cheira mal, podem passar algum tempo sujos, levando a assaduras do rabinho. Outros, cai a casa quando sentem o mínimo da fralda molhada.

 

? Assim que perceberem que o bebé tem cócó devem mudar a fralda, de modo a evitar problemas de pele.

 

? Os bebés amamentados não precisam de fazer cócó todos os dias! E não é sinal que o leite materno é mau.

Vamos a números meus senhores: 

– Os bebés podem ter cerca de 4 dejecções diárias (ou mais) e não é sinônimo de diarreia;

 

– Isto porque o leite materno tem propriedades laxantes, que faz com que o bebé consiga expelir melhor as fezes;

 

– Como o alimento único do bebé é líquido, as suas fezes serão mais líquidas, e {felizmente} diferentes do adulto. Mais uma vez, não é sinal de alarme ou diarreia!

 

– Nem todas dejecções são em quantidades enormes! Podemos contabilizar uma dejecção a partir do momento que a fralda está suja com um diâmetro de uma moeda de 2euros {a partir de agora houve claramente uma valorização da moeda ?}.

 

– Os cócós variam ao longo do tempo, consoante a evolução do leite materno.

Como referi, inicialmente temos mecónio, depois passa para fezes de transição (mais acastanhadas/esverdeadas) e mais tarde para fezes maduras (cor de mostarda, com farrapos que é leite digerido)… visualmente, é isto que vos espera:

 

Sinais de alarme: 

? Sangue ou muco nas fezes, podem ser indicativos de algum problema de saúde do bebé ou intolerância/alergia alimentar!

Em caso de dúvida peça parecer a um profissional de saúde!

 

Dicas práticas: 

?Em caso do bebé não fazer cócó durante 24h , apostem na massagem abdominal com movimentos circulares (no sentido dos ponteiros do relógio) e flexão das pernas em direcção ao abdómen, com ligeira pressão. Deste modo, promovemos o trânsito intestinal e eles conseguem soltar alguns gases;

 

? Podem, com uma compressa embebida em água morna passar suavemente em volta do anus do bebé , para relaxar aquela musculatura e promover a saída de fezes.

 

É mesmo importante os pais terem estas informações para não recorrem desnecessariamente às urgências!


Como existem ainda mais particularidades sobre os cócós, estão à vontade para partilhem as vossas dúvidas comigo ?

(Ja viram que gosto muito deste tema ?)

 

 

19 replies
  1. Vanessa Martins
    Vanessa Martins says:

    Olá enfermeira! O meu bebê fazia muito bem coco mas agora não..
    Passa 2/3dias sem fazer e depois eu vejo que ele está muito aflito e faço um bebegel… Com massagens, flexão das pernas não vai lá… Só solta gazes, mas não faz o coco… Ultimamente tem sofrido mesmo muito com isto, fica irrequieto, está sempre a gemer, da uma pena ??
    Isto é normal? Ele tem 1 mês e 18 dias.

    Reply
    • Carmen Ferreira
      Carmen Ferreira says:

      Olá Vanessa! Já experimentou oferecer probióticos? Ajuda bastante ?
      Faça mais maminha que ajuda também e pode estimular com compressa embebida em água morna em redor do anus.
      Se persistir peça observação do profissional de saúde que vos segue ❤️?

      Reply
  2. Margarida
    Margarida says:

    Olá enfermeira Carmen. A minha bebé tem 5 semanas e fazia muito bem cocó e várias vezes ao dia. Agora faz menos, tem gases e passa o dia e a noite a gemer e controcer-se com dores. Faz força e não consegue evacuar e nem deitar gases. Massagem e maminha a toda a hora e comecei a dar-lhe Biogaia hoje mas ela chora ainda mais. Já tinha cortado laticinios e derivados por possível APLV. Poderá o probiótico estar a agravar a situação? E o cocó que faz é mais líquido e sem os “farrapos” como era antes. Normal? Obrigada

    Reply
    • Carmen Ferreira
      Carmen Ferreira says:

      Olá Margarida!
      Na primeira/segunda semana da toma dos probióticos pode dar esse efeito sim, mas depois regulariza! Dê mais algum tempo ao seu bebé para ver o efeito dos mesmos.
      Continue as massagens e saco de sementes morno! Muito contacto pele a pele e maminha.
      Se piorar ou persistir peça observação ❤️

      Reply
  3. FIlipa
    FIlipa says:

    Olá enfermeira Carmen. A minha bebé tem 1 mes e uma semana. Fazia muito bem cocó,cada mamada,era uma fralda trocada,mas à uma semana que anda com cólicas e com maior dificuldade para fazer cocô.. disseram-me que poderá ser do vigantol ou entao daquilo que eu como… O que como realmente influencia? Obrigada

    Reply
    • Carmen Ferreira
      Carmen Ferreira says:

      Olá Filipa! Por vezes o trânsito intestinal muda… Não necessáriamente devido à dieta da mãe. Recomendo que faça massagem antes das mamadas e até pode com uma compressa embebida em água morna passar pelo anûs do bebé para ajudar a estimular a saída de gases e relaxar essa musculatura.
      Tudo a correr bem <3

      Reply
  4. Sofia Moiçó
    Sofia Moiçó says:

    Boa noite Enfermeira Carmen! O coco do meu bebé é sempre de uma cor muito escura, verde escura e tem cheiro. Foi sempre assim, será normal? Obrigada

    Reply
    • Carmen Ferreira
      Carmen Ferreira says:

      Olá Sofia! Depende também do tipo de alimentação. Um bebé amamentado pode variar a cor entre castanho e amarelo. Por vezes a cor verde também é normal, podendo significar que está a fazer pouco tempo na mama e não está a chegar à parte gorda do leite.
      Se aparecer sangue ou muco são sinais de alarme.
      Tudo a correr bem <3

      Reply
  5. Sandra Gameiro
    Sandra Gameiro says:

    Ola enfermeira carmen
    A minha duvida prende se com cocos pos introducao das sopas.. a minha princesa tem 6 meses e acaba de iniciar a introducao das sopas.. ainda so estamos naquela mais basica (batata, cenoura, pouca cebola) mas o coco e muito mole, parece diarreia, mas 1 x por dia. Nao me parece que esteja a fazer reaccao a nadacasa, mas nao sei se e o coco “normal”. Pode ajudar me?

    Reply
  6. Cláudia
    Cláudia says:

    Olá enfermeira carmen
    A minha dúvida é o meu bebe tem quase 3meses e sempre fez cocó amarelo normal e hoje fez amarelo com ranhoca é normal?

    Reply
  7. Claúdia
    Claúdia says:

    Boa noite Enfermeira Carmen,

    Gostaria de ter a sua ajuda se possível, a minha bebé tem 5 meses começou há 4 dias a comer sopa, ela com o leite materno só fazia coco de 3 em 3 dias nunca foi sinal de alarme mas agora com a sopa já vamos no 4 dia sem cocó, fiz lhe as massagens, passei a água morna no rabinho, fiz os exercícios com as pernas e nada, ela liberta gases mas cocó nem vê lo. O que posso fazer mais? Obrigada

    Reply
  8. Joana
    Joana says:

    Olá enfermeira Carmen,
    A minha bebé tem quase 3 meses, nunca fez mais do que um cocó por dia….muitas vezes apenas de 2 em 2 dias, com muita massagem e alguma estimulação! Na última semana começamos a dar probiotocos, e parece que tem sido ainda mais complicado….e o cocó que ela acabou por fazer vem cada vez mais pastoso! É normal? A oferta de água nesta altura é benéfica? Obrigada!

    Reply
    • Carmen Ferreira
      Carmen Ferreira says:

      Olá oana! Com a introdução de probióticos pode parecer que houve um retrocesso, mas é só o corpo a adaptar-se 😉 Mantenha a toma Joana para ver os seu beneficios!
      Conti também a fazer massagem na barriguinha seu bebé e pode também com uma cmpressa embebida em água morna paar pelo e anûs de forma a estimular mais suavemente a saída de fezes e gases.

      Tudo a correr bem! 🙂

      Reply
  9. Catarina
    Catarina says:

    Olá olá 😊 desde já o meu obrigada por todos estes posts esclarecedores e por toda a simpatia. Já me esclareceu algumas questões e agora o que gostaria de perguntar é:
    “Sendo que o cocó do bebé tende a ser ‘mole’ quais os sintomas que nos indicam que se trata de diarreia?”

    Obrigada,

    Um beijinho

    Reply
    • Carmen Ferreira
      Carmen Ferreira says:

      Olá Catarina! Se notar que a frequência das dejecções aumentou e estão ainda mais líquidas, associado a outros sintomas como desconforto/mal-estar/febre/vómitos pode ser um sinal que o bebé está com diarreia. Esteja atenta também à presença de muco ou sangue, que são sinais de alarme 😉

      Reply

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *