Uma mulher em idade fértil deve pensar em alguns aspectos do seu estilo de vida para que no momento da concepção, gravidez e amamentação consiga dar ao seu corpo e ao seu bebé as melhores condições para viver esta fase maravilhosa.

1- Alimentação:
Um alimentação equilibrada ajuda na qualidade de vida, prevenção de doenças e claro… fertilidade!
Muitos especialistas já desenvolveram trabalhos científicos no sentido de melhorar a dieta das mulheres para aumentar a sua fertilidade. E os homens não escapam! A sua dieta é igualmente importante para uma boa produção de espermatozóides.

2- Exercício físico:
A prática regular ajuda a regular as nossas hormonas, muitas delas associadas à fertilidade. Previne também inúmeras doenças, como a diabetes e hipertensão que estão associadas a maior incidência de casos de infertilidade.
Estudos científicos recentes demonstram que a mulher obesa pode ter mais dificuldades para engravidar, complicações no seu parto e dificuldade na amamentação, pois toda a parte hormonal está alterada e dificulta o bom funcionamento do organismo.

3- Pedir apoio de um clínico:
Quando se pensa em formar uma família há que pensar em alguns factores associados à saúde da mulher e do homem:
– Se tem alguma doença pedir observação clínica para estabilização da mesma;
– Se toma alguma medicação deve pedir parecer ao médico assistente para perceber se é compatível com a gravidez (ou se afecta a fertilidade);
– Perceber se é necessário realizar algum exame especial para detectar alguma situação clínica relacionada com o aparelho reprodutor.

4- Deixar de fumar:
É fundamental que este vício seja cessado antes da gravidez começar! O tabaco afecta a saúde da mulher e a sua fertilidade, para não falar dos seus efeitos negativos no feto (restrição de crescimento, placenta calcificada, alterações nos fluxos do cordão umbilical, problemas vasculares, entre outros).

5- Reflectir sobre o que significa para si a maternidade:
O nascimento de um filho é algo maravilhoso, que influência a mulher a todos os níveis! É a oportunidade ideal para novas aprendizagens e mudanças positivas:
– Altura ideal para conhecer o seu corpo;
– Perceber os valores que quer transmitir ao seu filho e adequá-los à sua vida;
– Reforçar as relações com a própria mãe e parceiro, porque a maternidade na primeira pessoa ajuda a colocar muita coisa em perspectiva e compreender o “outro lado” 😉 ;

Existem consultas de fertilidade em diversos Hospitais e Clinícas. Mesmo que não tenham um problema de fertilidade devem realizar a consulta de planeamento familiar e vigilância da saúde da mulher/casal, de modo a prevenir complicações no momento da concepção até à gravidez e pós-parto,

2 replies
  1. Marta
    Marta says:

    Ola! O tabaco só influencia nas mulheres, ou seja,não afeta a qualidade e produção do esperma dos homens?

    Reply

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *