Ontem foi um dia especial que tive que partilhar com vocês…
Há um ano que sou tia e madrinha de um ser humano lindo que me ensina a ser melhor pesssoa para lhe dar um exemplo e uma boa referência.
A M. é uma menina que sempre foi amamentada (ainda o é!) e opta sempre por opções saudáveis e quilibradas nas refeições. Complementa sempre o seu prato com uma bela sobremesa de maminha!
[Tem um dente, diz “bola” e ainda consegue dançar ao ritmo do AGIR ou de uma kimboza muito melhor que eu…]

A festa de aniversário da M. foi programada pela sua mãe dias antes (como devem calcular, horas a fio a escolher acessórios e menus … Mas tudo em cor-de-rosa!).
Na sua festa havia então opções que a M. conseguiria comer e, claro, saudáveis!

Em dia de festa, pontualmente, podemos oferecer opções mais açúcaradas mas podemos SEMPRE escolher de que forma queremos adoçar:

1- Com açúcar branco (refinado) – o qual vai activar células cerebrais fazendo um efeito semelhante ao do consumo de estimulantes opiáceos e cirar picos de insulina no sangue;

OU

2- Com adoçantes naturais – como a fruta, o mel, tâmaras… Que são mais saudáveis, acrescentam valor nutricional aos pratos e fibra, fazendo com que o pico de açúcar não seja tão repentino no sangue.
Se escolheram a opção 1, vieram à festa errada! 😉
Não é complicado, caro ou menos engraçado oferecer opções saudáveis às crianças. Pelo contrário!

Por isso, partilho com vocês algumas opções de snacks saudáveis que introduzimos neste lanche:

– Palitos cenoura com hummús / guacamole

– Pipocas (para crianças mais velhas) feitas apenas com o milho (para os adultos com sal)

– Gelados de fruta (frutos vermelhos, banana e hortelã)

– Bebidas: água aromatizada com hortelã e limão

– Frutas diversas (desde com formato BLW outras partidas para os adultos)

– Requeijão com pesto, tomate cherry e nozes (acompanhamento para tostas de centeio)

– Gaspacho

No fim ficámos cheios e querem saber quem comeu mais das opções saudáveis?
As crianças (e eu!).

Através de um bom exemplo alimentar estimulamos uma criança a comer de tudo e a ter prazer no momento da refeição.

Parabéns à M. que me inspira todos os dias! <3